21 de dezembro de 2013

Relacionamentos dificeis


É difícil falar sobre relacionamentos difíceis, primeiro porque, basicamente todo relacionamento envolve alguma dificuldade; segundo porque o que é difícil para uns, para outros pode não ser; terceiro porque o que pode ser difícil em um dado momento, pode ser fácil em outro.

Ainda assim, vou tentar discorrer sobre este tema.

Acredito que uma das dificuldades em estabelecer relações de qualidade exista por conta das altas expectativas que temos em relação aos outros. Mesmo quando não esperamos "nada", sempre esperamos alguma coisa, afinal isto é uma relação. Considerando que o comportamento tende a se repetir se for reforçado, é natural que muitos comportamentos pro-sociais que emitidos tem como finalidade atrair reforçadores sociais (sorrisos, abraços, elogios, etc).

Muitas vezes, estabelecemos relacionamentos supostamente para "ajudar o outro". Movidos pela compaixão e por acreditar que o "outro precisa muito de nós", podemos nos movimentar no sentido de minimizar o sofrimento alheio e ganhar em troca apenas o abandono e o esquecimento. Neste caso de quem é a culpa? Do que não soube reconhecer ou de quem esperou do outro um atitude diferente? Pode ser das duas partes. Cada caso é um caso.

Conviver com pessoas difíceis, que não conseguem reconhecer o esforço para gratificá-las para alguns é torturante, mas para outros é um desafio e por esta razão, não desistem facilmente do outro.

Textos sobre Relacionamento

Widget Recent Posts

Artigo da semana