Quem é você? A Terapia ajuda a reconstruir a identidade



Quem é você?


A pergunta parece óbvia, mas tente responder e verá o quanto é difícil achar uma resposta exata. Vamos tentar juntos:

Na pós modernidade somos “pessoas fragmentadas”: No trabalho, somos profissionais. Em casa somos cônjuges, mães, pais, filhos. Nas escolas, estudantes; no comércio, clientes, etc.

Nas relações sociais somos apenas parte de nós mesmos, uma vez que é inadequado se colocar integralmente nas mais diversas situações.

Não que isto seja um problema, afinal estes limites existem para promover o equilíbrio entre os diversos interesses e facilitar o bom convívio social.

Por isto, é difícil responder à pergunta inicial, uma vez que a personalidade às vezes se desintegra na execução dos diversos papéis, por vezes conflituosas.

A psicologia humanista considera que uma pessoa é aquela que consegue integrar em sua personalidade os diversos papéis sem grandes conflitos, respondendo ao ambiente adequadamente, sem comprometer sua essência (Rafael, 2000). Em outras palavras você é o que faz, o que pensa, e o que sabe. Você é plural. Você é único. Existem pessoas parecidas com você, mas não idênticas.

Portanto, é fundamental que você busque as respostas dentro de si mesmo, realizando sempre que possível o exercício do autoconhecimento, que consiste na busca pelas respostas que justificam seu comportamento.

Pergunte sempre: porque fiz isto? O que ganhei? De que outra forma poderia obter os mesmos benefícios? Preciso realmente agir assim para conseguir algo? Etc.

Ao fazer este exercício, evite auto-julgamentos, culpas ou remorsos. Busque ser honesto consigo mesmo. Busque sua autenticidade.


Referências


RAFAEL, Maria da Graça Ferreira. Relação de ajuda e ação social: uma abordagem Rogeriana. CPIHTS - Centro Português de Investigação em História e Trabalho Social. Disponível em: http:// www.cpihts.com. 2000


Mente são, corpo são, vida fluindo levemente!

A Psicoterapia pode ajudar a construir nova Autoestima. Você não precisa enfrentar tudo sozinho (a). A Psicologia pode te ajudar a enfrentar dificuldades emocionais, agregando ajuda emocional, acolhimento humanizado.



Acolhimento humanizado

 em Psicologia é uma abordagem que favorece a naturalidade do atendimento psicológico. O Objetivo da Psicóloga é ensinar ao paciente monitorar seus gatilhos de ansiedade e compreendê-los a partir da sua história de vida, sem julgamentos.

Visa suavizar as aflições, oferecendo possibilidades de soluções para os caminhos dolorosos como depressão, ansiedade, transtorno do pânico, estresse, vítimas de abusos.



psicólogos em são Paulo, PSICOLOGA, psicologa, psicóloga, psicólogo, psicólogo, psicologa bela vista, psicólogo bela vista, psicólogo Itaim bibi, psicólogo bela vista, psicologa sp bela vista, terapia, terapeuta, terapia de casal bela vista, terapia de casal sp, terapeuta, terapeuta de crianças bela vista sp, psicologa, psicologa,  Preço de terapia com Psicólogo em SP, psicólogo clinico perto da consolação,